Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

fevereiro 12, 2014

Preso diz a repórter que acendeu rojão que matou cinegrafista



Repórter: Você chegou a receber dinheiro para participar da manifestação?
Caio: (fala algo que não dá para entender) vou falar com o advogado, com o delegado. Na conversa, ele passa pra vocês.
Repórter: Você está arrependido?
Caio: Tô. A intenção não era essa. A intenção era ver o povo parar de sofrer.
Repórter: Mas tem gente reunindo esses jovens?
Caio: Tem gente. Têm grupos que vão por querer ir, têm grupos que vão porque são financiados, tem grupo que vai porque quer mudar o país. Cabe à polícia investigar. A policia não ta aí pra investigar?

Durante essa entrevista, ele confessou mais uma vez ter acendido e lançado o rojão.

Repórter: Por que vc acendeu aquele rojão?
Caio: Vou falar com o delegado.
Repórter: Só queria entender por quê.
Caio: Pra fazer barulho.
Advogado: Ele foi convocado, foi convidado a participar de manifestações, mediante uma mesada, mediante uma remuneração. Aí o que leva a concluir que tem um engendramento, uma determinada engenharia por trás da convocação desses jovens. Há políticos envolvidos, há interesse políticos envolvidos , claro que há.


Obs: Não precisa ser adivinho, pajé ou profeta para chegar a conclusão que esses manifestantes são massa de manobra na mão de homens "poderosos" com interesses escusos. Cabe a policia investigar e acabar com essa máfia.

Relacionado

0 comentários :

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.