Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

abril 09, 2012

Preconceito - Discriminação

Como podemos observar a nível prático e cotidiano, a prática discriminatória nasce quase sempre de atitudes simplistas, porém, eivadas de preconceito estabelecido a partir de práticas sistematicamente repetidas com o intuito de minimizar, ou mesmo, desprezar pessoas dentro do grupo social. Consiste em agir de forma a demonstrar às escâncaras que aquela pessoa ou mesmo aquele grupo possui atributos negativos em face dos demais, cujos efeitos tornam estes indivíduos menores, ou melhor, “menorizados”, perante os demais.
Leia mais....

A única realidade que precisamos admitir é que precisamos mudar o nosso conceito sobre determinadas situações.
Certa vez fui surpreendido ao conversar com uma amiga. Ela me disse: "Estou com aids". A minha reação ao me despedir foi pegar a sua mão e lhe dar um abraço. O mesmo não aconteceu com outras pessoas que a discriminaram e a mantiveram afastada como se a doença fosse contagiosa.
O maior problema não está nas outras pessoas mas em nós mesmos, porque achamos que somos melhores que os outros. A nossa religião é melhor que as outras, somos mais inteligentes e mais maduros e quem pode se equiparar a nós?
Uma das piores coisas que percebo no meio daqueles que dizem conhecer a "verdade" é usarem a mesma para tentarem impor suas ideologias que muitas vezes não conseguem viver mas que querem que os outros vivam.
Acredito que em todos os segmentos da sociedade incluindo as igrejas, o que menos interessa é o amor, que tão proclamado é, porém, pouco colocado em prática.

2 comentários :

Bem colocado Erlon! As pessoas se acham melhores que as outras, mesmo quando não são nada. Mas um lembrete: Podemos todas as coisas, em Cristo e Cristo nos ensina a amar, como a nós mesmos. Deus te abençoe meu amigo!

discriminação em nosso pais é normal, porque somos multi-racial, oriundo de diversas raças, diversas culturas, e a mistura de povos e complicado, nem todo mundo esta preparado para tal coisa e os apelidos fazem parte do nosso cotidiando. Para quebrar esse gelo de povos, o nosso Pais é laico e a constituição é para todos e essa historia de afro decedente não ter vez é babaquice: se for a luta tem. O irmão de meu pai era Negro e estudou muito mais do meu pai que era branco e em epoca bem conturbada. Quanto ao preconceito isso é real, talvez por falta de cultura e humanismo e em pleno seculo XXI é burrice. Devemos regeitar tal atitude, somos iguais perante Deus e aos homens também

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.