Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

outubro 26, 2011

Açaí, o Bode Expiatório


Sespa aponta que subiram de 85 para 89 os casos de doença de chagas no Pará e para tentar manter o controle da doença, sobretudo em Belém que lidera o número com 40 casos a Sespa irá promover uma ação de saúde nas ilhas de Combu e do Papagaio, que vai reunir mais de 160 agentes, dentro de duas semanas.
O arquipélago é um dos principais exportadores de açai para Belém, e esse açai estaria contaminado!
OK

Na década de l970 segundo estimativas a doença de chagas era responsável por 80% das infecções, meu avô morreu infectado com esse vírus. Naquela época morávamos em São Paulo e o açaí para nós não existia.
Levando em consideração que esta doença é comum nas áreas rurais e menos favorecidas, o que dizer então dos bairros da região metropolitana onde não há saneamento básico e as condições de moradia são mínimas, a exemplo as áreas de invasões.
Não é a primeira vez que boatos como esse surgem e os estabelecimentos de venda de pessoas que precisam trabalhar são interditados em prol da "saúde pública".
É claro que esses estabelecimentos precisam oferecer condições de higiene e acredito que a fiscalização rotineira seria um dos caminhos e não somente nesses casos extras.
Existe a doença de chagas? Sim existe
Existe um protozoário chamado  Trypanosoma Cruzi? Sim existe
E o Acaí é o responsável ? Agora que foi!

O que existe na realidade é um interesse comercial por trás de todo esse alarme com relação ao açaí e com certeza quem vai perder é o Pará como sempre!

0 comentários :

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.