Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

novembro 12, 2010

Missão no Haíti

Você já parou para pensar que em muitos momentos de nossa vida reclamamos de coisas pequenas, algo que não tem  importância, mas que achamos que temos o direito de reinvindicar?
Você já parou para pensar que enquanto você reclama, outros estão fazendo o que você não faz?
Enfrentando todo tipo de dificuldade?
Essa é uma das  missões  do Exército Brasileiro!
Em janeiro o país do Haíti foi assolado por um terremoto que atingiu a magnitute 7.
De acordo com o Cabo Quadros do Exército, o país é muito pobre e sem perspectiva de um futuro melhor, e ainda acrescenta: "O que eu tenho pena é das crianças que não sabem o que virá no futuro, sem educação e muitos abandonados e sem pais".
Certa vez um trabalhador olhou para o Cabo do exército e disse: " Aqui é como um labirinto, não tem saída!".
A situação no Haíti é caótica e ainda se sente o cheiro de corpos debaixo dos escombros, e a cólera que se espalha pelo país já causou a morte de 724 pessoas.
Diante desse caos,  o Exército Brasileiro está de parabéns  pela perseverança e coragem !

Fonte/Correspondente: Cabo Quadros

3 comentários :

Meu Irmão, concordo com o Sr., reclamamos pois, na maioria das vezes, não vivemos o que aprendemos de Jesus, não vivemos o amor, tudo de ruim que existe no mundo nós conhecemos, sabemos do que o homem é capaz e mesmo assim fingimos que nos surpreendemos e chegamos a perguntar: como essa pessoa foi capaz de fazer isso? É o que nós somos sem Jesus em nossas vidas, seres ingratos e pecadores.

Tenho agradecido a Deus sempre. Tenho consciência da minha pequenez diante da graça de Deus, Nunca poderei retribuir, ainda que me esforce, e mesmo não estando de braços cruzados, nunca será suficiente. Por isso, agradeço cada momento.

reclamamos muito mesmos
reclamamos de boca cheia
.............
gostei de sua mensagem continue assim
tem gente que tem tudo e não é feliz
e tem gente que tem pouco e reclama......

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.