Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

maio 10, 2010

Tolerância?


"Aos 15 anos, depois de alguns flertes com meninos e nenhuma relação com meninas, conheci meu atual namorado.
Apaixonado e angustiado por viver escondido, achei que não havia outro caminho senão abrir a questão para meus pais. Até hoje, não falamos muito sobre o assunto, mas eles já aceitam a situação, e até levo o Leandro para dormir lá em casa. As vezes andamos de mãos dadas, mas não trocamos beijo em público. Não preciso ficar expondo minha sexualidade. Prefiro as boates que meus amigos, gays ou não frequentam o círcuito GLS". Vitor Guedes 19 anos produtor de moda e Luis Lendro Caífa de 20 anos, estudante.
Fonte Revista Veja.
O tema é a Geração Tolerância onde se lê que nunca foi  tão natural ser diferente quanto agora. É uma conquista da juventude que deveria servir de lição para  muitos adultos.
A tolerância e o respeito devem existir em todas as camadas sociais, isto sem dúvida. Mas é bom que se diga: Pode-se mudar as leis e a Constituíção, contudo o homossexual continuará sendo "diferente". Os pais, na maioria das vezes aceitam por não terem outra opção. Aceitam a opção dos filhos, por amor.
Mas se chegará um dia onde essa opção sexual será colocada em xeque pelo próprio homossexual. Ninguém nasceu para morrer sozinho, todos nós precisamos de uma familia, crescei e multiplicai, diz a palavra de Deus.
A mulher que se diz homossexual (Lésbica) se viver a vida toda com uma outra mulher, um dia terá o desejo de ter um filho. Com certeza precisará  contar com a ajuda de um homem, e isso não muda, sempre será assim. A mesma coisa o homem (Gay) precisará de uma mulher para gerar.
Esta é uma realização tanto para homens quanto para mulheres, isto é, gerar uma vida através de um relacionamento sexual. Usar a adoção como meio para realização pessoal, creio que isto não satisfará o ego. O casal  realizado é aquele que gera uma vida.
Os anos passarão, a idade avançará, a solidão será notória, e os questionamentos virão.
A frustração e o vazio interior serão constantes e não encontrarão a resposta, por que a resposta está no fator família que só se realiza quando gera filhos.

1 comentários :

É muito difícil ser um homossexual! Deve ser um conflito interno muito grande.Um dia, um amigo meu me disse que é quase impossível um homossexual ser salvo. Creio que deve ser difícil, mas não impossível, porquanto se torna uma batalha travada a cada instante dentro de um ser que é ensinado de uma forma, mas tem sentimentos totalmente diferentes do que aprendeu.

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.