Salvar postagem como: PDF

Total de visualizações de página

Anuncie sua empresa

Translate

setembro 28, 2009

Ex. Presidente de Honduras descansando na embaixada brasileira: Problemas que poderiam ser evitados.


Aquele que se mete em questão é como alguém que pega um cão pelas orelhas.
As más conversações corrompem os bons costumes.
Um tomate podre infesta a todos os outros.
Na contramão da tradição diplomática nacional, o Brasil se intromete na política interna de outro país e o faz da pior maneira possível: Como coadjuvante de Hugo Chaves.
Fonte: Revista Veja
Infelizmente se for feita uma análise de todas as decisões tomadas pelo Governo brasileiro em questões internacionais, constataremos que sempre houve uma incoerência. A questão da embaixada em Honduras é mais uma.
Se nós como pessoas cometemos erros sem ter a ajuda de ninguém, quanto mais tendo um vizinho ou um amigo chamado Hugo Chaves que gosta de se meter em encrencas. É preciso muito cuidado.

0 comentários :

Postar um comentário

Todos os comentários serão bem vindos, porém, só aprovarei dentro do tema exposto.